Alice Cooper fala sobre Johnny em entrevista

Alice Cooper fala sobre Hollywood Vampires, Johnny Depp, Solid Rock Foundation e o álbum que ele está trabalhando.
A parte que ele se refere a Johnny é esta:

P: Agora, Johnny Depp veio e tocou no Christmas Pudding e antes, você estava naquele filme de Tim Burton com ele. O que você pensa sobre o que funciona com vocês dois?

R: Johnny é um verdadeiro fã do rock and roll, dessa época. Eu posso dizer a Johnny, “Você sabe que parte de guitarra você irá tocar? Vamos tentar mais parecido com eles “.
E ele diz” Qual canção? “E eu digo “’Here’s Comes the Night.’” Oh, OK, eu sei isso.”
Ele sabe todos os pontos de referência. Ele tocou com (Paul) McCartney, ele tocou com (Rolling) Stones, ele tocou com todo mundo.
Não é novidade para ele estar em um palco de rock and roll.
Ele fiz que atuar é seu trabalho diário. Eu disse: “É um ótimo trabalho diário. Eu não desistiria disso. “(Risos.)
Mas eu acho que ele gosta de tocar rock and roll mais do que interpretar.

P: Parece que está se divertindo.

A: Ah, ele ama isso lá em cima. Você o leva lá em cima, e ele é uma estrela do rock

pudding-03de-dez-2

Artigo completo >>>> Source

Em resumo, para Johnny, ser ator é só um trabalho, aquele que que o sustenta. Mas o que ele gosta mesmo é da música.

(Continuação) Entrevista para a revista TEAMROCK.COM

A TEAMROCK.COM postou mais um trecho da entrevista de Johnny para a Classic Rock edição de Novembro de 2016.

Johnny Depp compara atuar com performar

Exclusivo: o guitarrista de Hollywood Vampires, Johnny Depp, diz que atores e músicos ambos devem assumir riscos.
Johnny Depp comparou o desempenho em uma banda com o ato de improvisar uma cena como ator.
O guitarrista dos Hollywood Vampires e ícone de filmes acredita que é igualmente importante para um ator assumir riscos como é para um músico impulsionar-se por causa de uma performance.
Depp foi um convidado especial no Classic Rock Roll Of Honor em Tóquio e deu uma franca e profunda entrevista ao Classic Rock. Ele apresenta na edição atual da revista Classic Rock, que está disponível agora na versão impressa e através do TeamRock+.

Continue lendo AQUI!
A primeira parte da entrevista está AQUI

Show beneficente de Natal

Esta noite de 03 de dezembro de 2016, aconteceu o show beneficente de Natal promovido pelo Alice Cooper em prol de sua fundação para adolescentes com problemas. O 15th Annual Christmas Pudding concert . Mais detalhes sobre o evento clique Neste Post
Johnny estava presente, assinou uma guitarra para leilão e estava muito feliz, elegante, e como sempre muito acessível aos fãs.

pudding-de-natal-1tumblr_ohoez0dojl1s2kuhmo2_1280tumblr_ohnl3mwwyo1rglixoo1_1280pudding-de-natal-6

Entrevista revista teamrock.com – Nov/2016

Entrevista p/ revista teamrock.com – Novembro 2016

Hollywood’s most rock’n’roll actor on his life in music and his hatred of formulas.

O ator mais rock’n’roll de Hollywood em sua vida na música e seu ódio às fórmulas.

Foto clicável:
c412714f-8cf8-4121-a61f-44112a3f960b

Quando você conheceu Jimmy Page ontem, pareceu que isso realmente significou alguma coisa pra você…

J: Bem, ele significa. Significou muito e ainda significa. Os guitarristas pra mim daquela época eram Keith, Jeff Beck, tinha o Jimmy Page e o Joe Perry. Tinha algo sobre eles, algo místico neles.

– Quando você se tornou um guitarrista?
J: Eu tinha uns 12 anos, estava no banco de trás e nós estávamos dirigindo na avenida principal da pequena cidade que morávamos, e tinha um pequeno show local acontecendo no estacionamento de uma loja. Nós ficamos presos no semáforo e tinha uma banda tocando. Eu me lembro o nome da banda, na verdade, eles se chamavam Rocklin Channel. Eu acabei tocando com uns dos caras depois, sabe.

– Isso é na Florida?
J: É na Flórida. Eu os ouvi tocando Dream On, do Aerosmith e eu pensei, caramba, isso é muito bom, e seria muito legal pegar uma guitarra e simplesmente explodir, sabe? Então sim, eu convenci minha mãe a comprar uma porcaria de uma pequena guitarra Decca por 25 dólares e um pequeno amplificador Plush azul que era simplesmente um lixo, foi fantástico. Roubei um livro de acordes Mel Bay de uma loja de departamentos – o livro azul de acordes Mel Bay com as fotos em preto e branco, sabe? – Então eu descobri onde colocar meus dedos, descobri os acordes e comecei a ouvir os discos, levantando a agulha e colocando-a de novo no começo do disco, de novo e de novo…

– Então você é autodidata?
Eu tinha aula de guitarra na escola. Eu larguei, mas a aula de guitarra era a única aula que eu teria passado. Eu não sei porquê, mas eu simplesmente sabia que a escola não iria me proporcionar nada. Eu sabia que não iria trabalhar em uma empresa de seguros. Eu sabia que não iria, sabe? Eu tinha o que, 15 anos quando caí fora? Você sabe, era tipo “eu preciso ser um adulto agora”. Havia uma parte de mim que simplesmente ia se juntar à Marinha, dizer foda-se e sair, mas eu comecei a tocar em boates aos 13 anos. Eu entrava pela porta dos fundos, tocava, saía – ficava do lado de fora, fumava, voltava para dentro. Eu toquei como menor de idade de cima à baixo da costa leste por alguns anos.

-Ganhando dinheiro?
Não, não, todo o meu dinheiro morria na mesa do bar. Eu acho que é o clássico clichê. Sempre vai ser a mesa do bar que vai te pegar. Naqueles tempos…

– Esses são o meio dos anos 70?
Sim, eu nasci em 63, então eu tinha 12 em 75. Eu havia encontrado uma forma de escapar de todo o pesadelo familiar, sabe? O lar em que eu vivia era muito radical, e bem imprevisível. Você nunca sabia o que iria acontecer em seguida. Podia ser um cinzeiro jogado na sua cabeça, ou um sapato…

– Pelo seu pai?
Não, mais pela minha mãe. Meu pai era bom com o cinto. Mas aqueles eram tempos diferentes. Eles faziam o que eles sabia fazer melhor. Mas quando eu encontrei a guitarra, daquele momento em diante, eu não tenho nenhuma memória da puberdade. Nenhuma. Porque eu literalmente me trancava no meu quarto e prestava atenção nos discos, e eu aprendi as coisas.

Tradução por Jaque Cavinati (DeppLovers)
Fonte/Source

Christmas Pudding de Alice Cooper – Ensaios

A banda Hollywood Vampires começou hoje os ensaios para o 15 th annual Christmas Pudding de Alice Cooper, dia 3 de dezembro em Phoenix, no Arizona.
A tradicional festa, Pudim de Natal de Alice Cooper é um show de variedades com Cooper como atração principal e convidados e os rendimentos vão para a Fundação Solid Rock de Alice Cooper e da Rock Teen Center.
O centro abriu em 2012, em Phoenix. A missão do Centro, de acordo com o site da Solid Rock, é “permitir que os adolescentes construam a confiança e descubram a sua paixão pela música, dança, auto-expressão e criatividade” em um “santuário criativo para adolescentes problemáticos.”
No show de 2012 tinhamos 3 pessoas da equipe do DL lá em Phoenix neste show. Foram grandes momentos.

Videos e fotos dos ensaios:

15272093_1253416611386784_3300542565973598529_o15259635_1253415678053544_3476649674195218318_ocyqit5lxgaagrrb-jpg-large15259331_1253577198037392_7026702825263354327_o

Clique aqui para ver os videos >>>> Read More

Johnny no Japão! Classic Rock Award

Johnny Depp vai se apresentar com Tommy Heinriksen (Disvicious1), Robert e Dean Deleo de STP, Ray Luzier de Korn, Phil Collen de Def Leppard, Jimmy Page e Jeff Beck e Joe Perry no Classic Rock Award – um prêmio anual para realizações de destaque na música rock, em Tokyo dia 11 de novembro!!!
Quem confirmou a noticia foi Tommy Heinriksen em seu instagram, e ele já está lá. Não sabemos se Johnny já chegou também.

Neste link, um vídeo de Tommy chegando ao japão.

catscwlbsyuveaevjpe