Entrevista do Johnny para o Jimmy Kimmel

Johnny participou do Talk Show do Jimmy Kimmel no dia 18.05.2017, para promover Piratas do Caribe: A vingança de Salazar. No canal oficial do programa no Youtube, foi divulgado 4 vídeos da entrevista. Johnny falou dos filhos, sobre sua aparição surpresa no parque da Disney, sobre seu trabalho como vendedor de canetas, a primeira turnê mundial para divulgar um filme. Ah, tudo com direito ao tradicional beijo.

Jimmy: Quantos anos tem seus filhos agora?

Johnny: Lily-Rose está perto dos 18

Jimmy: Ok. E o seu filho?

Johnny: Meu garoto tem 15 anos.

Jimmy: Você está ensinando ele a dirigir?

Johnny: Não, não estou ensinando ele a dirigir

Jimmy: Você acha que não seria um bom exemplo de motorista? Ou é ele que não quer que você ensine ou é você acha que acha muito cedo?

Johnny: Meus instintos sobre ele, acho que ele bateu 5 carros de golfe

Jimmy: Ele joga golfe?

Johnny: Não.

Jimmy: Este é o Johnny Depp em Piratas do Caribe. Você continua não gostando de ver a si mesmo. Eu sei que você não se assiste nos filmes, mas se você estiver muito maquiado, você consegue se assistir? Faz alguma diferença?

Johnny: Não.

Jimmy: Você assiste muitos filmes no cinema? Qual foi o último filme que foi ver?

Johnny: Provavelmente Inferno na torre. (O filme é de 1974)

Jimmy: Então você não vai aos cinemas tem um tempo. Você fez uma coisa divertida na Disney, foi de quem a ideia? Você foi e se escondeu no parque do Piratas do Caribe, então você apareceu para as pessoas que estavam no barco, como foi a reação disso?

Johnny: Quando fizemos o primeiro filme, eles me levaram para conhecer o parque. Então pensei, seria tão incrível ficar lá imóvel e quando eles se aproximassem eu falasse: “O que você está olhando? (com voz do Sparrow)”. Então eles me pediram para fazer e eu fiz. O barco estava se aproximando, dava pra ver. Então comecei a falar como Jack, falando com eles especificamente “Você que está nesse barco roxo, com essa coisa no ouvido”. Então, nada! Eram só os telefones. Eu acho que eles já tinham visto alguns Jack Sparrows durante o passeio.

Jimmy: Eles já tinham visto alguém que parecia você durante o passeio, então eles devem só ter pensar Yeah…

Jimmy: Já é uma tradição agora (sobre o beijo deles). Hey quero te contar uma história: Eu vim trabalhar essa manhã como tipicamente faço, dirigir e estacionei meu carro, então tinha um monte de pessoas esperando do lado de fora, que normalmente tem. Algumas pessoas queriam fotos, então veio esse cara e falou: “Ei posso tirar uma foto?”, posei para a foto e ele disse: “Yeah, eu estou na realidade esperando por Johnny Depp, mas isso é bom também”.
Johnny: Eu tenho um monte de parentes lá fora.

Jimmy: As pessoas não precisam ser totalmente honestas o tempo inteiro, essa foi uma lição que aprendi. É muito bom te ver, você estava em Shangai, o que é bem louco, certo?

Johnny: Yeah! De Shangai para Paris, de Paris voltei para cá.

Jimmy: Qual foi a primeira turnê no exterior que você fez para promover um filme? você lembra qual foi o filme e as viagens?

Johnny: Acho que foi em Gilbert Grape, acho que foi o primeiro.

Jimmy: Para onde você foi?

Johnny: Nós fomos para Barcelona, Madri, Paris, Estocolmo… fomos para muitos países.

Jimmy: É legal fazer isso?

Johnny: Foi meio legal. Tudo estava bem, até que uma vez estava voltando para o hotel, íamos embora na manhã seguinte, era 1:00 AM. Então passei perto do bar e a tripulação inteira do avião, pilotos, aeromoça… estavam todos lá. O piloto estava usando o chapéu da aeromoça, eu fiquei parado em choque. Esses caras pilotam o avião, certo? Ele olhou para mim e disse: “Descanso da tripulação”. Eu o vi na manhã seguinte e ele me falou a mesma coisa.

Jimmy: Você veio morar em Hollywood quando mudou para LA, você vivia nessa vizinhança?

Johnny: Sim, sim. Em uma construção ao lado do Yucca e Whitley

Jimmy: Quando mudou para cá você fazia parte de uma banda, foi por isso que se mudou, certo? E aí você começou a atuar, você teve algum trabalho regular ou com a banda conseguia pagar as contas?

Johnny: Não, não. Você tinha que pagar os clubes para poder tocar aqui.

Jimmy: Você realmente teve que pagar? quanto você teve que pagar?

Johnny: Não me lembro, mas era mais do que tinha, isso é certeza. Mas eu tive um emprego, a banda inteira tinha um emprego. Trabalhei em um telemarketing e vendia canetas para as pessoas

Jimmy: Eram canetas personalizadas?

Johnny: Sim, eram.

Jimmy: Minha tia Chippy trabalhou com isso também, o que ela descreveu, me fala se é a mesma coisa, eles vendiam essas canetas por bem mais do que valiam e por telefone eles pareciam ser incríveis, falavam para as pessoas que a caneta vinha com o nome da sua empresa para dar aos clientes, eram 2 caixas que custavam 2,50 dólares cada uma. As pessoas compravam as canetas e ficavam furiosas, já que era claramente as canetas não valiam mais que 0.50 centavos.

Johnny: Sim, vendíamos canetas rosas com o nome da empresa do cliente e a coisa toda. Nós tínhamos um prazer por oferecer outras coisas, uma viagem para a Grécia, um relógio do avô

Jimmy: Você era bom nisso?

Johnny: Não era muito bom. Eu fiz uma venda, o cara ia comprar as canetas em uma boa quantidade, uma quantia desmedida e louca de dinheiro. Então no meio da negociação eu finalmente falei: “Senhor, não compre essas caneta. Você não vai para a Grécia, posso te garantir. Isso não existe. E o relógio do avô, que existe, é feito de cartolina prensada.

Jimmy: Ele te agradeceu por sua honestidade?

Johnny: Sim, de uma forma confusa, eu acho que ele queria as canetas.

Jimmy: Você foi demitido desse trabalho?

Johnny: Eu pedi demissão.

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

*

«
»