Johnny processa jornal The Sun por difamação

Notícias de última hora!
Regras do fórum
As regras básicas devem ser lidas e respeitadas em todos os nossos fóruns. Regras específicas pra este fórum:

- Poste somente notí­cias aqui. Se quiser comentar algo relacionado ao Johnny que não seja novidade, poste no Conversa Geral;
- Caso sua notí­cia conte algo do filme, contenha SPOILERS, avise no assunto do tópico colocando a palavra: [SPOILERS]-NOME DO FILME;
Avatar do usuário
salete
Admin
Admin
Mensagens: 10107
Registrado em: Sex Set 12, 2008 6:53 pm
Localização: Florianópolis SC

Johnny processa jornal The Sun por difamação

Mensagem por salete »

Artigo publicado pelo Hollywwod reporter, na íntegra. A audiencia está marcada para dia 22 de fevereiro e será muito importante e conclusivo. Veja as partes em vermelho.
https://www.hollywoodreporter.com/thr-e ... m=referral


Eu fui assombrada pelo monstro":
Johnny Depp, Amber Heard documentos legais lançam nova luz sobre contas de abuso duplo
Espera-se que o relacionamento volátil das estrelas e o testemunho inédito de seu divórcio em 2016 sejam centrais para o processo de Depp sobre difamação contra o tablóide The Sun.

Em 13 de agosto de 2016, Amber Heard estava sendo interrogada por Blair Berk, uma grande advogada de Hollywood contratada por seu agora ex-marido, Johnny Depp, em um escritório de advocacia de Century City. "Johnny e eu nos referimos à sua outra personalidade, a parte dele que está presente quando ele me bate - nós chamamos isso de monstro e chamamos [aquele] monstro por muitos anos", contou Heard durante um depoimento feito em meio ao divórcio. . Ela acrescentou: "Eu estava paralisada pelo monstro".

A transcrição do depoimento de 471 páginas é parte de uma coleção de documentos inéditos obtidos pelo The Hollywood Reporter, juntamente com declarações da amiga íntima de Heard Raquel Pennington e dos policiais do Departamento de Polícia de Los Angeles que responderam após uma briga entre o casal na L.A. penthouse em 21 de maio de 2016. A amiga de Heard, Tillett Wright, com quem ela tinha falado antes dele ser supostamente jogado em Heard, ligou para o 911.

O depoimento lança nova luz sobre o relacionamento e será um ponto de discórdia em uma batalha judicial no Reino Unido. O tablóide The Sun está se defendendo em uma ação de difamação apresentada por Depp sobre uma matéria de abril de 2018 intitulada "Como a J.K. Rowling pode ser 'genuinamente feliz' ao escalar o ator Johnny Depp no novo filme Fantastic Beasts?" O artigo faz referência ao pedido da estrela de Aquaman Heard para uma ordem de restrição contra o ator, que se concentra naquela noite de maio de 2016, e disse que a atriz "contou uma história detalhada de incidentes de abuso doméstico, alguns dos quais a temiam por sua vida".

As estrelas pintaram retratos conflitantes na imprensa sobre abuso em seu relacionamento - provocando até um processo judicial sobre uma alegação de que Depp difamara Heard e violou o acordo de confidencialidade que foi negociado durante o divórcio. O ator negou publicamente o abuso em várias entrevistas no ano passado, e seu advogado Adam Waldman disse à THR em outubro que a equipe jurídica de Depp tem provas de que Heard "feriu gravemente" Depp e "falsificou" alegações de abuso. Tudo o que, afirma Heard, é falso e difamatório.

O relato de Heard sobre os eventos que levaram à separação, juntamente com os de outras testemunhas, será examinado à medida que o The Sun defende sua história. Heard pediu para testemunhar no processo do Reino Unido, mas uma fonte com conhecimento do assunto diz que a equipe jurídica de Depp se recusou a permitir e até ameaçou processá-la por violar sua NDA se ela o fizer. É por isso que o testemunho prévio de Heard sobre o divórcio pode se tornar fundamental, embora a equipe de Depp sustenta que ela poderá testemunhar se o The Sun a chamar.

Há altos riscos no caso e um conjunto diferente de padrões legais que as estrelas de Hollywood costumam usar. Nos EUA, a pessoa que está processando por difamação deve provar que a declaração a respeito dele ou dela era falsa, mas no Reino Unido, a declaração supostamente difamatória é geralmente considerada falsa, a menos que o réu possa provar que era verdadeira. Por essa razão, o testemunho sobre o alegado abuso irá desempenhar um papel proeminente no caso do Depp no Reino Unido - onde cabe ao The Sun contestar as alegações de Depp sobre o que aconteceu naquela noite.


Nas transcrições de depoimento obtidas pela THR, Heard alegou que em 21 de maio de 2016, na residência de Los Angeles, Depp jogou o telefone nela "o mais forte que pôde" e a atingiu no rosto. Ela afirma que ele então a agarrou pelos cabelos e ela gritou por socorro. Ela afirmou que ele "quebrou muitas coisas de vidro que deixavam o vidro no chão", e o chão estava coberto de objetos danificados, incluindo candelabros de prata e uma lâmpada, entre outros itens.

Foi quando, segundo o depoimento, Raquel Pennington, amiga de Heard, chegou à cobertura. Pennington testemunhou que ela estava em um apartamento adjacente e veio depois que Heard enviou uma mensagem de texto . Quando ela chegou, ela ouviu Depp gritando. Pennington disse que Heard pediu ajuda e disse a ela que Depp bateu nela com o telefone. Ela disse que Depp estava girando uma garrafa magnum de vinho e tirando coisas do balcão com ela. Pennington testemunhou que os gritos de Depp eventualmente levaram sua equipe de segurança a entrar, e um dos guardas o convenceu a sair. Ela também disse que havia tirado "dezenas de fotos" das contusões de Heard durante sua amizade, inclusive naquela noite.

Os policiais da LAPD que responderam ao chamado do 911 naquela noite também fizeram depoimento como parte do processo de divórcio. A diretora Melissa Saenz, em um depoimento em 18 de julho de 2016, testemunhou que Heard se recusou a dar seu nome, então ela não percebeu quem era a famosa atriz até semanas depois. Saenz disse que Heard estava chorando, mas não viu marcas, contusões, inchaços ou sinais de ferimentos no rosto. O oficial também testemunhou que ela inspecionou o apartamento e não viu sinais de vidro quebrado ou itens quebrados. Saenz disse que Heard repetidamente "balançou a cabeça" em resposta a perguntas e não quis falar, e que ela não tinha motivos para acreditar que um crime havia sido cometido. O oficial Tyler Hadden compartilhou um testemunho similar.

Heard disse que ela se recusou a dar uma declaração aos oficiais, a conselho de seu advogado. Enquanto isso, Pennington disse que os policiais viram "todos os danos", incluindo o vidro quebrado, e se ofereceram para "prendê-lo agora" se Heard fizesse um relatório. Oficiais de LAPD Saenz e Hadden negaram em seus depoimentos dizendo isso.

Berk, o advogado que questionou Heard em nome de Depp, perguntou se ela já havia atingido, esbofeteado ou jogado um objeto no ator. Heard disse que "fez o melhor possível" para se defender de seu marido maior e mais forte. (Isto significa que ela o agrediu)

Depp contou uma série de eventos diferentes que antecederam aquela noite. Em julho de 2018, o ator alegou que Heard foi "agressiva e violenta" e deu um soco no seu duas vezes na noite de 21 de abril de 2016, depois que ele se atrasou para o jantar de aniversário dela. Na noite de 21 de maio, ele disse que foi até a cobertura para recuperar alguns de seus pertences e trouxe dois de seus guardas de segurança com ele porque "estava preocupado com o que a Sra. Heard poderia fazer".

Depp disse que jogou o telefone no sofá e não bateu em Heard, nem tocou nela. Ele alegou que Heard começou a gritar com ele depois que ele atravessou a sala e foi quando seus guardas de segurança chegaram e ela começou a chorar. Ele também alegou que os danos em quaisquer fotos tiradas por Pennington que mostrem itens quebrados na cobertura e face ferida de Heard não foram causados por ele, e que "fotografias impressas foram postas em evidência, mas nem as imagens originais nem os metadados associados foram produzidos. "

Enquanto os depoimentos podem desempenhar um papel no processo judicial no Reino Unido, o relacionamento também está sendo reexaminado, já que as declarações conflitantes das estrelas continuam a fazer as manchetes dois anos após sua separação.

Depp tornou suas reivindicações públicas, extensamente, em um artigo da British GQ publicado em 2 de outubro, com uma capa numa linha provocativa tipo: "O divórcio. A violência. O excesso. A vingança".
Em resposta, os representantes de Heard chamaram o artigo de Depp de "ultrajante" e o caracterizaram como "abuso psicológico". A equipe de Depp reagiu, alegando que tem provas a serem apresentadas no processo do Reino Unido que mostraria "a Sra. Heard repetidamente atacou violentamente e feriu gravemente o Sr. Depp, e então falsificou alegações de abuso contra ele".

Como parte do divórcio, as estrelas concordaram em não discutir o casamento ou fazer declarações depreciativas sobre o outro. Em uma petição judicial, Heard afirma que Depp violou esse acordo e difamou-a em vários meios de comunicação neste outono, dando a impressão de que ela alegou falsamente ter sido abusada fisicamente. A atriz argumenta que as declarações, incluindo aquelas feitas por Waldman em nome do Depp para a THR, foram feitas com malícia e ela tem direito a danos punitivos.

Recentemente, Heard escreveu um artigo do Washington Post intitulado "Eu falei contra a violência sexual - e enfrentei a ira de nossa cultura. Isso tem que mudar". Embora o nome de Depp não seja mencionado, o artigo foi amplamente interpretada como sendo sobre ele. A atriz escreveu que "se tornou uma figura pública que representa o abuso doméstico" e "sentiu toda a força da ira de nossa cultura por mulheres que falam". Ela disse que ela foi informada de que estaria na lista negra, uma marca de moda global a dispensou como sua face de celebridade e não ficou claro se os papéis de Liga da Justiça e Aquaman permaneceriam como dela. Em resposta, o advogado de Depp, Waldman, afirmou que a bandeira de Heard era um "abuso ao movimento #metoo" e afirmou que ela "se disfarça de vítima em vez de agressora".

Uma audiência no Reino Unido está marcada para 22 de fevereiro, e Waldman diz que a equipe de Depp apresentará evidências incluindo depoimentos múltiplos, fotografias e depoimentos de testemunhas oculares.

Em resposta às declarações de Waldman, e às declarações de Depp nos arquivos do Reino Unido, o advogado de Heard, Eric George, disse à THR: "A difamação e violação do contrato de confidencialidade das partes do Depp já é objeto de um julgamento pendente. Não vamos dignificar comentários com qualquer outra resposta. "

Waldman, enquanto isso, afirma que Heard retirou sua queixa e sugere que se ela "quiser ir a tribunal ... nós a veremos lá".
Imagem
Avatar do usuário
Suellen
Mensagens: 64
Registrado em: Sáb Out 10, 2009 9:13 pm
Localização: Cubatão/ SP

Johnny processa jornal The Sun por difamação

Mensagem por Suellen »

Eu tinha lido essa matéria por alto...
Estava esperando notícias aqui no fórum.
Como ela é dissimulada!
Torcendo para que estas provas a coloquem em cheque!

Obrigada Sa!
:depp:
Avatar do usuário
salete
Admin
Admin
Mensagens: 10107
Registrado em: Sex Set 12, 2008 6:53 pm
Localização: Florianópolis SC

Re: Divórcio Johnny e Amber

Mensagem por salete »

salete escreveu: Ter Jun 07, 2016 2:42 pm As manifestações de amigos do Johnny apoiando-o e fazendo seus relatos está Neste Tópico
Imagem
Avatar do usuário
salete
Admin
Admin
Mensagens: 10107
Registrado em: Sex Set 12, 2008 6:53 pm
Localização: Florianópolis SC

Re: Divórcio /Johnny processa jornal The Sun por difamação

Mensagem por salete »

Sobre o caso The Sun e Amber Heard: Johnny Depp acaba de apresentar no processo contra o The Sun, documentos legais e videos de segurança citando novas evidências de que ele nunca bateu na ex esposa ...

"2:33 PM PT – O advogado de Depp, Adam Waldman, disse ao TMZ "As dezenas de arquivos de vídeo de câmera de segurança do Eastern Columbia Building recentemente adquiridos, juntamente com vários depoimentos de testemunhas oculares recém-obtidos e depoimentos prestados em 2016, não deixam dúvidas de que Amber Heard falsificou as alegações de abuso que sustentam a difamação da Sun contra Depp." Mais uma vez, Heard afirma que Depp a atingiu com um telefone e as mãos.

Johnny Depp acaba de apresentar documentos legais citando novas evidências de que ele nunca bateu na então esposa Amber Heard ... uma alegação que ela fez durante o seu conturbado divórcio.

Depp apresentou os documentos no Reino Unido, onde ele está processando o The Sun por difamação em conexão com um artigo chamando-o de "espancador de mulheres". O artigo referenciou uma briga entre Depp e Heard em 21 de maio de 2016 em sua residência no centro de Los Angeles. Amber diz que ele jogou um telefone no rosto dela e depois a espancou e ela tirou fotos de seus ferimentos.

Os novos documentos de Depp incluem testemunhos, dizendo que viram Amber no prédio em 21 de maio e não viram marcas vermelhas ou hematomas no rosto. Uma testemunha diz que não viu a marca até 6 dias depois.

Amber também tirou fotos de vidros quebrados no apartamento, alegando que Johnny jogou o vidro e quebrou-o na unidade. Uma das testemunhas declarou em sua declaração: "Não havia vidro quebrado que notei no apartamento na época".

Amber insistiu com firmeza em sua versão dos acontecimentos, e Johnny insinuou que ela se machucou depois do fato e tirou fotos.

Ele também cita nos documentos 2 policiais que responderam em 21 de maio e deu 2 depoimentos afirmando que não viram ferimentos em Amber. Os policiais afirmam que Amber disse que nada havia acontecido.

Os documentos dizem que há imagens de câmera de segurança nos 4 dias imediatamente seguidos do suposto ataque, mostrando o rosto de Amber. Presumivelmente, o advogado de Depp diz que as imagens não mostram nenhum ferimento.

Mais uma vez, os novos arquivamentos estavam em conexão com sua ação de difamação contra o The Sun. Depp diz: "Eles devem ter feito uma decisão positiva em apresentar um quadro totalmente unilateral, deixando de fora o meu lado da história e fingindo que ele não existia ou não vale a pena ser considerado".
(tradução DeppLovers - Kirlyan Cox)

https://www.tmz.com/2019/01/22/johnny-d ... VlrdnNenaQ
Imagem
LiamK
Mensagens: 32
Registrado em: Qua Jan 23, 2019 4:46 pm

Johnny processa jornal The Sun por difamação

Mensagem por LiamK »

Ontem Johnny apresentou depoimentos de um amigo de Amber Heard e dois funcionarios do predio. De acordo com estes arquivamentos, ELA PEDIU PARA O PESSOAL MENTIR para ajudar a difamar #JohnnyDepp
.
link para os documentos >>> (21 paginas) http://tmz.vo.llnwd.net/o28/newsdesk/tm ... R05sJZZjfQ

Tradução dos depoimentos:
Clique nas imagens para ampliar

Imagem Imagem Imagem

c. Declaração do amigo e vizinho de Amber Heard no Easter Columbia Building, Isaac Baruch, uma copia do que são as páginas 112 a 115 de Exhibit JCD1, no que ele diz:

“No dia 22 de Maio de 2016, o próximo dia, era meu aniversário e eu estava saindo do prédio durante o dia e passava pelo nosso corredor compartilhado, quando eu vi que havia varias pessoas reunidas… Então começamos a caminhar até a porta de trás do prédio onde eu parei de cara a cara com Amber. Então ela do nada me disse em uma voz muito animada e entusiasmada, “Ele me bateu! Ele jogou um telefone em mim!” Amber então esticou o pescoço em minha direção para eu poder ver seu rosto; na luz da manhã naquele corredor me permitiu ver com clareza e seu rosto pareceu para mim que estava sem maquiagem enquanto ela me olhava.
Eu disse “Eu não vejo nada” e eu disse “deve ser toda essa beleza que está ofuscando tudo de um lado a outro do seu rosto”, então Amber sorriu e gargalhou ruborizando-se enquanto ela voltava o pescoço para trás escorando na entrada. Eu estava a um passo do seu rosto nesse ponto e não vi vermelho ou inchaço ou marcas de qualquer tipo no seu rosto enquanto ela estava perto olhando diretamente para mim…

…No outro dia, Segunda-Feira, dia 23 de Maio de 2016… Eu ouvi uma batida na porta e fui até lá abrir. Era Amber Heard parada na minha porta…. Amber perguntou se eu poderia pegar a chave do apartamento para deixar a faxineira entrar em seu apartamento mais tarde naquele dia porque ela iria deixar o condomínio. Eu me desculpei e disse que não poderia porque estava doente e que ela deveria pedir pedir a um dos seguranças na portaria para fazer isso por ela. Tinha luz suficiente no corredor enquanto ela estava na minha porta e eu pude mais uma vez ver claramente seu rosto. Não tinha marcas de nenhum tipo e nenhum dos lados do seu rosto, não havia hematomas ou arranhados ou qualquer tipo de manchas pretas de qualquer tipo. Ela estava a dois passos e seu cabelo estava solto.

Durante a semana do dia 23 de Maio de 2016 até a do dia 27 de Maio de 2016, vi Amber Heard em múltiplas ocasiões dentro e ao redor de nosso prédio…. Em todas as instâncias, eu tive clara oportunidade de ver o rosto de Amber e não havia nenhuma marca visível no rosto de Amber de forma alguma. [Quando o Sr. Baruch subsequentemente falou com Srt. Heard] ela respondeu “Eu falei ao Johnny que não quero nada dele, os advogados estão fazendo tudo isso.”

d. Deposição transcrita de Trinity Esparza, gerente de contratação e segurança no Eastern Columbia Building, uma copia do que são as páginas 116 a 2016 Exhibit JDC1, no que se diz:

“Ela [Amber Heard] disse que tem conexões próximas com People Magazine e perguntou se poderíamos ajuda-la…. Ela precisava de ajuda por causa da citação que estava circulando lá fora afirmando que a recepção a viu sem marcas em seu rosto depois do incidente ocorrido… Nós [os funcionários do Eastern Columbia Building]—nós ficamos conscientes das alegações—as alegações. E também Alex e eu discutimos o que vimos – que nós sabíamos que ela não tinha marcas durante toda a semana e agora ela tinha na Sexta-feira. Eu disse para ambos, “Eu a vi e ela não tinha nada em seu rosto”… nos conversamos sobre isso, obviamente é uma propaganda enorme. Quero dizer, nós conversamos sobre isso e discutimos que a tínhamos visto anteriormente naquela semana e não tinha nada em seu rosto. E agora na Sexta-Feira [27 de Maio, 6 dias depois que ela alegou ser espancada], nós vimos que ela tinha marcas em seu rosto.

e. Deposição transcrita de Cornelius Harrell, outro funcionário no Eastern Columbia Building, uma copia do que são as páginas 2007 a 251 de Exhibit JCD1, no que ele diz:
P: Okay. Você trabalhou no domingo, 22 de Maio?
R: Trabalhei.
P: E você viu Amber nesse dia?
R: Eu vi.
P: Onde estava Amber quando você a viu nesse dia?
R: Ela veio a recepção e pediu por um pacote que tinha recebido.
[Amber Heard disse] “O que estou esperando é um vinho.” Eu dei a ela o vinho que esperava e ela disse “Obrigada”
P: Então você conversou com Amber…
R: Sim
P: … por aproximadamente…
R: Gostaria de dizer que a conversa total foi provavelmente uns cinco ou oito minutos…
P: Você teve uma chance de – você viu o rosto de Amber durante sua conversa com ela nesse dia?
R: Sim
P: E parecia que Amber estava usando maquiagem?
R: Um, se sim, bem pouco.
P: Okay. Você notou qualquer contusão no rosto de Amber nesse dia?
R: Não percebi.
P: Você notou qualquer inchaço em seu rosto?
R: Não notei
P: Alguma marca vermelha?
R: Não
P: Algum cortado?
R: Não
P: Okay. Alguma injuria de qualquer forma em seu rosto?
R: Não


f. Imagens da Câmera de Segurança do Eastern Columbia Building de Amber Heard no dia 24 de Maio de 2016

(Tradução DeppLovers)
Liu Roque
Mensagens: 4167
Registrado em: Dom Set 16, 2012 9:24 pm
Localização: Teófilo Otoni-MG

Re: Divórcio Johnny

Mensagem por Liu Roque »

Uau... Mais uma vez eu digo: Como é bom estar do lado verto! A mentira tem pernas curtas! :lovejohnny:
:thankyou: :TeamDepp:
Imagem
sig by Sa
Avatar do usuário
Suellen
Mensagens: 64
Registrado em: Sáb Out 10, 2009 9:13 pm
Localização: Cubatão/ SP

Johnny processa jornal The Sun por difamação

Mensagem por Suellen »

Olá meninas,

Eu (ainda) estou chocada! Como esta mulher pôde fazer tanta coisa com ele? Após a morte de sua mãe! É desprezível! Que Deus tenha misericórdia da vida dela.

:TeamDepp:
:depp:
Avatar do usuário
salete
Admin
Admin
Mensagens: 10107
Registrado em: Sex Set 12, 2008 6:53 pm
Localização: Florianópolis SC

Re: Divórcio Johnny

Mensagem por salete »

AA materia do TMZ está chegando à midia brasileira e finalmente estamos vendo manchetes que nos dão um alivio. Finalmente o jogo virou. E mais provas serão divulgadas nos proximos dias.
Esta materia abaixo, tem alguns erros, mas vale a penas porque a essencia da materia é verdadeira e dá uma visão nova sobre o Johnny para o povo que por falta de informação o condena.

Veja mais em: https://natelinha.uol.com.br/famosos/20 ... 124013.php
Imagem
Avatar do usuário
Suellen
Mensagens: 64
Registrado em: Sáb Out 10, 2009 9:13 pm
Localização: Cubatão/ SP

Re: Divórcio Johnny

Mensagem por Suellen »

salete escreveu: Sáb Jan 26, 2019 10:15 am AA materia do TMZ está chegando à midia brasileira e finalmente estamos vendo manchetes que nos dão um alivio. Finalmente o jogo virou. E mais provas serão divulgadas nos proximos dias.
Esta materia abaixo, tem alguns erros, mas vale a pena porque a essencia da materia é verdadeira e dá uma visão nova sobre o Johnny para o povo que por falta de informação o condena.

Veja mais em: https://natelinha.uol.com.br/famosos/20 ... 124013.php
Eu vi isso nas redes sociais do Depp Lovers. Eu me alegrei em saber que estão divulgando a verdade!

:TeamDepp:
:depp:
Avatar do usuário
salete
Admin
Admin
Mensagens: 10107
Registrado em: Sex Set 12, 2008 6:53 pm
Localização: Florianópolis SC

Johnny processa jornal The Sun por difamação

Mensagem por salete »

Atualizando... Amanha Johnny tem audiencia na corte sobre o caso do The sun, as 10:30 horario de Londres.
Não é julgamento, é audiência.

Imagem
Imagem
Avatar do usuário
salete
Admin
Admin
Mensagens: 10107
Registrado em: Sex Set 12, 2008 6:53 pm
Localização: Florianópolis SC

Re: Johnny processa jornal The Sun por difamação

Mensagem por salete »

No dia 27/fev o The Sun, tentou suspender o processo movido por Johnny, alegando que AH não poderia depor. O juiz disse que nada a impede de depor e Johnny a desafiou trazer testemunhas, pois ele pode provar que não abusou dela, e vai provar isso

O juiz de Londres rejeitou na quarta-feira a petição do jornal dizendo que sua alegação deveria ser "mantida e que a estrela confirmou por escrito que não processaria Heard se ela participasse de um julgamento.

Heard considerou que ela estava sujeita a "restrições de confidencialidade" em um acordo de divórcio de agosto de 2016 "que a impedem de auxiliar os réus com provas para apoiar o seu caso".
(Trocando em miudos, ela não quer ir depor e alega que lá no divorcio de 2016 assinou com Depp um acordo de que ambos nao podem falar sob pena de processo)

Mas, o juiz anunciou: "Não estou satisfeito com as preocupações de Heard sobre as restrições que o acordo de divórcio impõe a ela ".

E que, mesmo se fossem, "o assunto é capaz de resolução".

O juiz Nicklin disse que Depp afirmou claramente em sua evidência para o tribunal que espera que Heard "possa muito bem" dar provas no processo, e "ele não tentará impedir isso".

Ele acrescentou: “O fato de que a Sra. Heard atualmente acha que há algum impedimento para que ela forneça provas para os réus não tem nada a ver com o Sr. Depp.

"Mesmo se ela estivesse certa, parece haver várias maneiras de resolver o problema que ainda não foram exploradas adequadamente."

James Price QC, por Depp, disse ao juiz durante a audiência do pedido que o ator não tinha "medo" de ouvir depoimentos no Supremo Tribunal.

Depp, que nega ter batido Heard, forneceria uma "balsa" de evidências de testemunhas independentes que "contradizem fundamentalmente as evidências dadas pela Sra. Heard", disse Price.

Ele disse que o ator "quer parar as publicações falsas e difamatórias".

Adam Wolanski, disse ao juiz que eles “defenderam a defesa da verdade”, e disse que Depp alega que foi Amber, não ele, quem foi o “agressor”.

O juiz disse: “Se as alegações de violência doméstica são, em última instância, verdadeiras, é uma questão para julgamento. Nesta fase, o tribunal não está em condições de, e não faz, quaisquer descobertas. ”

Nenhuma data foi marcada para um julgamento. Mas Johnny ganhou esse direito.

https://www.pressgazette.co.uk/sun-fail ... ter-claim/
Imagem
Avatar do usuário
salete
Admin
Admin
Mensagens: 10107
Registrado em: Sex Set 12, 2008 6:53 pm
Localização: Florianópolis SC

Re: Johnny processa jornal The Sun por difamação

Mensagem por salete »

O ator de Hollywood Johnny Depp apareceu no Tribunal Superior de Londres para uma audiência em seu caso de difamação contra o The Sun. (No dia 26 de fevereiro 2020)

A estrela de cinema está processando a editora do The Sun e seu editor executivo, Dan Wootton, por causa de um artigo que alegava ter sido abusivo com sua ex-esposa, Amber Heard.

O astro dos Piratas do Caribe, vestindo terno e óculos azuis, sentou-se no tribunal atrás de seus advogados em uma audiência de revisão pré-julgamento hoje.

Depp, 56, nega as alegações de abuso doméstico e acusou Heard de ser o "agressor" em seu relacionamento, que terminou em maio de 2016.

Ele ouviu o advogado David Sherborne dizer ao tribunal que o caso era "muito incomum", no sentido de que as alegações de Heard contra seu ex-marido foram "divulgadas publicamente em grande escala na mídia", em grande parte pela própria atriz.

Sherborne disse que o julgamento, que deve começar em 23 de março e durar dez dias, envolverá evidências "diametralmente opostas".

Ele disse ao juiz Nicol: “Existe um contraste entre a versão dos eventos que é fornecida pela sra. Heard e a do senhor Depp.

"Isso é preto e branco. Uma pessoa, de um lado, está mentindo e a outra não.

"Obviamente, dizemos que é a Srta. Heard (que está mentindo), o Sr. Depp é 100% claro sobre isso."

O advogado disse ao tribunal que as alegações de Heard datam dos estágios iniciais do relacionamento do casal em 2013, antes de se casarem em 2015.

Ele também se referiu às gravações de Heard, 33, que recentemente veio à luz, nas quais ela parece discutir ter sido fisicamente violenta com Depp.

Sherborne disse que a evidência "demonstra em sua própria voz que ela não foi vítima de abuso doméstico, mas sim que ela foi a agressora".

Ele acrescentou que, nas gravações, Heard diz que ninguém acreditaria em Depp se ele alegasse ser vítima de violência doméstica.

O tribunal ouviu várias testemunhas comparecerem ao julgamento ou aparecerem em um link de vídeo, muitas da Califórnia, para dar provas em apoio a Depp ou Heard.

A alegação de difamação, contra o News Group Newspapers e Wootton, surge da publicação de um artigo no The Sun em abril de 2018 com a manchete “Gone Potty Como JK Rowling pode ser 'genuinamente feliz', lançando a esposa-espancadora Johnny Depp nos novos Animais Fantásticos '' filme?"

Sherborne disse ao tribunal que as palavras "espancador de esposa" foram removidas posteriormente do artigo on-line.

O tribunal ouviu anteriormente o caso de Depp é que o artigo tem o significado de que ele era “culpado, com evidências esmagadoras, de violência doméstica grave contra sua então esposa, causando ferimentos significativos e levando-a a temer por sua vida, pela qual o reclamante foi restringido. pagar nada menos que 5 milhões de libras para compensá-la e que resultou em ele ser submetido a uma ordem judicial de restrição continuada; e por esse motivo não é adequado para trabalhar na indústria cinematográfica ”.

Depp abriu processos por difamação contra Heard nos EUA, que estão "em andamento".
https://www.pressgazette.co.uk/johnny-d ... 5SvuUOkiKk

Imagem
Imagem
Avatar do usuário
salete
Admin
Admin
Mensagens: 10107
Registrado em: Sex Set 12, 2008 6:53 pm
Localização: Florianópolis SC

Re: Johnny processa jornal The Sun por difamação

Mensagem por salete »

26 de fevereiro 2020 -
Johnny Depp no ​​tribunal do Reino Unido para audiência sobre processo por difamação por tabloide

LONDRES - Um advogado de Johnny disse a um juiz britânico na quarta-feira que a ex-mulher da atriz, Amber Heard, mentiu quando o acusou de abuso doméstico.
Depp nega as acusações de abuso e compareceu ao Tribunal Superior em Londres para uma audiência preliminar em seu processo de difamação contra o tablóide britânico The Sun.
A estrela de Hollywood está processando a empresa controladora do The Sun, o News Group Newspapers, e o editor executivo do jornal, Dan Wootton, por causa de um artigo de 2018 alegando que ele havia abusado de Heard.
A estrela de "Piratas do Caribe" estava sentada atrás de sua equipe jurídica no tribunal, enquanto seu advogado David Sherborne disse que o caso apresentaria versões "diametralmente opostas" de eventos de Depp e Heard.

"Uma pessoa, de um lado, está mentindo e a outra não", disse ele. "Obviamente, dizemos que é a Srta. Heard (que está mentindo), o Sr. Depp é 100% claro sobre isso.

"O advogado disse que Heard não era uma vítima, mas o "agressor" no relacionamento do casal. Depp e Heard se divorciaram em 2017.
A audiência completa deve começar em 23 de março.

Depp também está processando Heard por difamação nos Estados Unidos e o julgamento lá está marcado para agosto.

ABC News
Imagem
Imagem
Avatar do usuário
salete
Admin
Admin
Mensagens: 10107
Registrado em: Sex Set 12, 2008 6:53 pm
Localização: Florianópolis SC

Re: Johnny processa jornal The Sun por difamação

Mensagem por salete »

✅O julgamento deve começar em 23 de março e durar 10 dias.
Johnny Depp fez uma aparição surpresa no Supremo Tribunal de Londres na quarta-feira.
Depp está processando o jornal do Reino Unido por difamação depois de publicar a manchete after it published the headline “How can J.K. Rowling be ‘genuinely happy’ por escolher Johnny Depp no ​​novo filme de 'Animais Fantásticos'? ” em abril de 2018.

Ele foi fotografado chegando ao tribunal em fotos obtidas pelo Mail Online usando óculos escuros, um lenço azul e um terno azul marinho.
David Sherborne, QC, representando Depp, disse ao tribunal, segundo o Mail: “O artigo da Sun contém acusações sérias e criminais contra Depp; que ele espancou a esposa e lhe causou ferimentos significativos.

"Mr.Depp tem o direito de se defender publicamente. Essa é uma função vital do julgamento por difamação quando ocorre. ”
O Supremo Tribunal também foi informado de que Depp deve produzir 17 testemunhas para provar sua inocência.

O advogado de Depp comentou as supostas novas evidências de Heard: "Novas alegações horríveis estão sendo feitas pela sra. Heard, que Depp nega completamente.
https://etcanada.com/news/599096/johnny ... r-article/
Imagem
Avatar do usuário
salete
Admin
Admin
Mensagens: 10107
Registrado em: Sex Set 12, 2008 6:53 pm
Localização: Florianópolis SC

Re: Johnny processa jornal The Sun por difamação

Mensagem por salete »

Imagem Imagem Imagem Imagem Imagem Imagem Imagem Imagem Imagem Imagem Imagem Imagem Imagem Imagem
Imagem
Responder