Processo de difamação de US$ 50 M contra Amber Heard

Notícias de última hora!
Regras do fórum
As regras básicas devem ser lidas e respeitadas em todos os nossos fóruns. Regras específicas pra este fórum:

- Poste somente notí­cias aqui. Se quiser comentar algo relacionado ao Johnny que não seja novidade, poste no Conversa Geral;
- Caso sua notí­cia conte algo do filme, contenha SPOILERS, avise no assunto do tópico colocando a palavra: [SPOILERS]-NOME DO FILME;
Avatar do usuário
salete
Admin
Admin
Mensagens: 11870
Registrado em: Sex Set 12, 2008 6:53 pm
Localização: Florianópolis SC

Re: Johnny Depp registra processo de difamação de US$ 50 M contra Amber Heard

Mensagem por salete » Sex Jun 14, 2019 10:47 am

Mais um passo. ( ainda não sei do que se trata, mas depois a gente diz.)

Johnny Depp files Plaintiff's Praecipe — in regard to "JOHN C. DEPP, II V. AMBER LAURA HEARD" Defamation Case:

https://www.fairfaxcounty.gov/circuit/s ... 3_2019.pdf
Imagem

Avatar do usuário
salete
Admin
Admin
Mensagens: 11870
Registrado em: Sex Set 12, 2008 6:53 pm
Localização: Florianópolis SC

Re: Johnny Depp registra processo de difamação de US$ 50 M contra Amber Heard

Mensagem por salete » Sex Jun 14, 2019 2:28 pm

Imagem

Imagem
Imagem

Avatar do usuário
salete
Admin
Admin
Mensagens: 11870
Registrado em: Sex Set 12, 2008 6:53 pm
Localização: Florianópolis SC

Re: Johnny Depp registra processo de difamação de US$ 50 M contra Amber Heard

Mensagem por salete » Qua Jun 26, 2019 2:59 pm

Mais uma testemunha: (Documento da corte)
Da declaração de Travis McGivern:

"2. Trabalhei para o Sr. Depp como guarda-costas por cerca de três anos. Trabalhei principalmente com ele em Los Angeles, onde moro, mas às vezes viajei com ele. Trabalho no campo da segurança e proteção pessoal desde o final de 2005.

3. Em 23 de março de 2015, trabalhei na Johnny Residence, na 849 S. Broadway, onde ele próprio morava naquela época. Aproximadamente entre 4 e 6 horas da manhã, Johnny me enviou uma mensagem e me pediu para entrar na penthouse número 5, que ele possuía. e que se conecta com a cobertura número 3 - a sua habitação principal. Ele também me pediu para trazer uma enfermeira que trabalhava para ele. Quando Debbie e eu entramos na sala, houve uma troca verbal entre Johnny e Amber por causa da suspeita de Amber de que Johnny tinha um relacionamento com outra mulher. A irmã Amber, Whitney, também estava presente. A discussão durou cerca de uma hora e meia. Em algum lugar entre 30 e 45 minutos após o início da briga, eu testemunhei como Amber pegou e jogou a lata de Red Bull, que bateu nas costas de Johnny, e eu também a vi cuspir em Johnny. Ela também tentou jogar sua bolsa nele, mas eu a peguei quando ela voou. Cerca de 10 minutos antes de sairmos, eu testemunhei como Amber bateu em Johnny com o punho no olho.

4. Eu vi Amber repetidamente de perto, e nunca vi nenhuma marca nela, hematomas ou ferimentos. Eu sei que Amber afirma que Johnny cometeu um ato de violência doméstica contra ela antes de sua viagem para as Bahamas em 21 de dezembro (ou algo assim) em 2015. Acompanhei a família deles até o aeroporto e quero deixar claro que não vi vestígios, ferimentos e contusões em Amber. "
Imagem
Imagem

Avatar do usuário
salete
Admin
Admin
Mensagens: 11870
Registrado em: Sex Set 12, 2008 6:53 pm
Localização: Florianópolis SC

Re: Johnny Depp registra processo de difamação de US$ 50 M contra Amber Heard

Mensagem por salete » Sex Jun 28, 2019 11:46 am

Finalmente temos uma data!
Na manhã de quinta-feira, um juiz da Virgínia marcou o JULGAMENTO para 3 de fevereiro de 2020!
O juiz estima que o julgamento durará 12 dias.

Ele aceitou o pedido de Johnny para levar o caso a julgamento. As tentativas dela de suspender o caso não foram aceitas e ela tentará mais uma vez amanhã.
Uma audiência para a moção de Heard para encerrar o caso está marcada para amanhã.
Depp está processando por difamação e pedindo por danos superiores a US $ 50.000.000.

https://theblast.com/c/johnny-depp-ambe ... trial-date
Imagem

Avatar do usuário
salete
Admin
Admin
Mensagens: 11870
Registrado em: Sex Set 12, 2008 6:53 pm
Localização: Florianópolis SC

Re: Johnny Depp registra processo de difamação de US$ 50 M contra Amber Heard

Mensagem por salete » Sex Jun 28, 2019 11:48 am

Processo de difamação indo para julgamento! Temos uma data!✔️👏
Johnny Depp acredita que Amber Heard falsificou seus hematomas
O ex-casal Johnny Depp e Amber Heard estão prontos para um confronto no tribunal depois que um juiz enviou seu caso de difamação a julgamento.

A estrela de Piratas do Caribe processou sua ex-mulher depois que ela se referiu a si mesma como "uma figura pública representando abuso doméstico" em um artigo do Washington Post no ano passado.

Depp sempre negou suas alegações de que ele era violento em relação a ela e insiste que ele tem provas de que todas as suas alegações contra ele são falsas.

Ele está processando por difamação e pedindo indenizações superiores a US $ 50 milhões.

Um juiz da Virgínia definiu uma data de julgamento para 3 de fevereiro de 2020 e estima que durará 12 dias, de acordo com o The Blast.

Uma audiência para a moção de Heard para encerrar o caso está marcada para esta sexta-feira.
https://windsorstar.com/entertainment/c ... 1561727733
Imagem

LiamK
Mensagens: 32
Registrado em: Qua Jan 23, 2019 4:46 pm

Re: Johnny Depp registra processo de difamação de US$ 50 M contra Amber Heard

Mensagem por LiamK » Ter Jul 02, 2019 10:42 pm

Os advogados de Johnny Depp sobre a intimação de James Franco após supostamente visto em vigilância de vídeo com Amber Heard

O ator James Franco agora está envolvido na batalha legal entre os ex-Johnny Depp e Amber Heard.

De acordo com o The Blast, que foi o primeiro a relatar a notícia, a equipe legal de Depp está enviando uma intimação a Franco após a exibição de vídeos de vigilância, supostamente mostrando o ator de 41 anos em um elevador com Heard um dia após o ex-casal brigarem em maio de 2016.

Em uma declaração ao The Blast na terça-feira, o advogado de Depp, Adam Waldman, disse: "Estamos interessados ​​em James Franco e Elon Musk como testemunhas porque temos provas de que eles são homens que viram o rosto de Amber Heard nos dias e noites em que alegou que o Sr. Depp a bateu no rosto em 21 de maio e quando ela foi ao tribunal e pintou "contusões" para obter uma ordem de restrição temporária em 27 de maio. "

No vídeo, obtido pelo canal, Heard, de 33 anos, é vista andando em um elevador - para um apartamento no centro de Los Angeles que uma vez supostamente compartilhou com Depp, 56 - sozinha antes de sair e depois reaparece com Franco.

De acordo com o The Blast, a intimação civil faz parte do processo de difamação de US $ 50 milhões de Depp contra a Heard, que ele apresentou no início deste ano depois que a atriz escreveu um editorial do Washington Post sobre abuso doméstico. A reclamação de Depp diz que, embora o Heard não tenha usado o nome do Depp no ​​artigo do Post, ficou claro que ela estava se referindo a ele.

Imagens de vigilância do elevador, obtidas por The Blast, supostamente mostram James Franco e Amber Heard em um elevador juntos um dia após a atriz em maio de 2016 brigar com o ex-marido Johnny Depp. De acordo com a nota, os advogados estão enviando uma intimação a Franco como parte do processo de difamação de US $ 50 milhões de Depp contra sua ex-mulher.

Em resposta à notícia da intimação relatada, o advogado Heard Eric George disse à Fox News na terça-feira: "Esta história falsa é apenas uma outra tentativa de Johnny Depp e sua equipe para espalhar informações deliberadamente enganosas através dos meios de comunicação para que ele possa continuar a atacar e abusar de sua ex-esposa.

“Amber Heard e James Franco moravam no mesmo complexo de apartamentos e estavam simplesmente pegando um elevador ao mesmo tempo. Ponto. Johnny Depp e sua equipe têm tentado - e falham - em colocar uma história arrogante baseada nessas imagens irrelevantes por semanas. É patético."

Como informado anteriormente, Heard pediu o divórcio de Depp em 2016, em meio a alegações de que o ator de “Piratas do Caribe” abusou física e verbalmente dela. Depp negou repetidamente as alegações. Os dois - eles se conheceram no set do filme de 2011 "The Rum Diary" - resolveram o divórcio de US $ 7 milhões em 2017.

Representantes de Franco e Depp não responderam imediatamente ao pedido de comentários da Fox News

Fonte: https://www.foxnews.com/entertainment/j ... deo-report

Tradução TeamDL

Avatar do usuário
salete
Admin
Admin
Mensagens: 11870
Registrado em: Sex Set 12, 2008 6:53 pm
Localização: Florianópolis SC

Re: Johnny Depp registra processo de difamação de US$ 50 M contra Amber Heard

Mensagem por salete » Ter Jul 16, 2019 11:57 am

Amber Heard's 'Friend' Goes on the Record: 'I Never Saw Amber Injured in Any Way' at the Hands of Johnny Depp

Jul 15, 2019 at 22:06 pm UTC
By Mike Walters

Uma amiga de Amber Heard deu testemunho dizendo que ela nunca viu nenhum sinal de abuso de Johnny Depp. É uma aliada importante neste caso para #JohnnyDepp, pois ela é se identifica como amiga de Heard, mas dá testemunho em apoio a Depp.

Nos documentos, Divenere diz que "trabalhou para Johnny Depp e Amber Heard como decoradora de interiores no centro de Los Angeles, no Edifício Eastern Columbia, de julho de 2014 a algum momento de 2016. Depois disso, trabalhei para a Amber e ainda o faço até hoje".
Ela explica: "Eu fui e continuo a me considerar uma amiga de Amber. Eu permaneço em contato regular com Amber. Eu não me comunico com o Sr. Depp desde 2016".

Divenere afirma: "Eu estava com Amber e interagia com ela frequentemente nos vários dias imediatamente após a alegação de abuso ... incluindo pelo menos 23 a 25 de maio. Nesses dias, trabalhei com Amber, peguei pacotes para ela, usei elevadores com ela e a vi de perto e em pessoa. Em nenhum desses dias imediatamente após as alegações de abuso observei qualquer sinal de abuso físico ou ferimentos, incluindo vermelhidão, inchaço, cortes, hematomas ou danos de qualquer tipo. Eu nunca vi Amber ferida de qualquer forma "

Depois de afirmar que nunca ouviu ou viu nada parecido com o abuso de Johnny Depp contra Heard, Divenere continua explicando que ouviu Amber explodir às vezes.

A declaração continua, "Eu testemunhei Amber sendo verbalmente abusiva em relação à sua ex-assistente Kate, gritando com ela no telefone. Sua então assistente Kate me ligou várias vezes em lágrimas, muito chateada, sobre o tratamento que recebeu de Amber."

https://theblast.com/c/johnny-depp-ambe ... wsuit-frie


No depoimento, a decoradora Laura Divenere afirma que NUNCA viu lesões em Amber Heard, e que ela sim que era agressiva e abusava de sua assistente pessoal. Além de ter se apropriado de itens da mobilia comprada por Johnny. (Roubou moveis e obras)

Imagem Imagem Imagem
Imagem

Avatar do usuário
salete
Admin
Admin
Mensagens: 11870
Registrado em: Sex Set 12, 2008 6:53 pm
Localização: Florianópolis SC

Re: Johnny Depp registra processo de difamação de US$ 50 M contra Amber Heard

Mensagem por salete » Qui Jul 25, 2019 4:13 pm

25 de julho de 2019 às 18:39 UTC
Por Daniel Goldblatt
Johnny Depp saiu vitorioso em uma batalha com Amber Heard sobre qual tribunal seu processo de difamação de US $ 50 milhões deveria ser discutido.
:yahoo: :superfeliz:
De acordo com documentos judiciais obtidos pelo The Blast, um juiz da Virgínia decidiu na quinta-feira (25de julho)que o caso permanecerá lá e não será transferido para a Califórnia, como Heard queria.

O juiz concordou com Depp que, como o Washington Post publicado por Heard, que está no cerne do processo, foi publicado na Virgínia, o caso deve permanecer lá.


https://theblast.com/c/johnny-depp-ambe ... l-virginia
Imagem

LiamK
Mensagens: 32
Registrado em: Qua Jan 23, 2019 4:46 pm

Re: Johnny Depp registra processo de difamação de US$ 50 M contra Amber Heard

Mensagem por LiamK » Sex Jul 26, 2019 10:18 pm

Imagem

Johnny Depp diz que Amber colocou um cigarro em seu rosto durante sua infame briga.

Johnny Depp está fazendo uma nova acusação pública sobre sua infame luta com Amber Heard, alegando que depois que ela jogou uma garrafa nele que cortou seu dedo, ela "colocou um cigarro" em sua bochecha.

Depp entrou com uma resposta alterada como parte de seu processo de difamação contra o News Group Newspapers Limited e o colunista Dan Wootton por um artigo de 2018 que classificou o astro de "Piratas do Caribe" como "espancador de esposas".

De acordo com documentos judiciais obtidos pelo The Blast, Depp revela novas alegações decorrentes da luta de março de 2015 entre ele e Heard na Austrália. Depp afirma que a briga começou depois que Heard falou com seus advogados sobre “a intenção de Johnny de entrar em um acordo pós-nupcial". Ele diz que isso fez com que Heard "ficasse furiosa".


A suposta queima de cigarro

Imagem

Depp alega que ele estava evitando Heard naquele dia, mas no fim, depois de não tomar um drinque por mais de um ano, ele "procurou evitar a Sra. Heard indo ao bar no andar de baixo da casa. Ela o seguiu, gritando de forma abusiva. "

Nesse ponto, Depp afirma que "ele se serviu de uma vodka e bebeu". É quando ele afirma que Heard jogou uma garrafa nele e errou. Ele alega que tinha outra bebida e ouviu então jogar a segunda garrafa, que resultou no infame dedo decepado de Depp.

É então que Depp afirma: "A Sra. Heard, em seguida, colocou um cigarro na bochecha direita de [Depp]".


The Blast obteve uma foto de Depp (veja acima) que foi tirada em um hospital australiano algumas horas após o suposto incidente ter ocorrido. Ele mostra o ator deitado em uma maca de hospital, com a mão enfaixada, e o que a equipe jurídica de Depp diz ser a queimadura de cigarro em sua bochecha.

Depp admite que ele "escreveu em um espelho e paredes com sangue e tinta a óleo", mas afirma que ele estava em choque na época. Ele nega urinar na casa.

Ele também nega tomar ecstasy a qualquer momento durante a viagem.

O incidente do avião

Imagem

Johnny Depp também pinta um quadro diferente de dois outros incidentes de abuso alegado.

Heard, em sua resposta ao processo de difamação de US$ 50 milhões de Depp, afirmou que em maio de 2014, Depp ficou furioso porque ela estava filmando um filme com James Franco. Ela alegou que durante um vôo em um jato particular, que ele começou a atirar objetos nela.

"Em algum momento", escreveu ela, "levantei-me e Johnny me chutou nas costas, fazendo com que eu caísse. Johnny jogou a sua bota em mim enquanto eu estava no chão. Johnny continuou a gritar obscenidades até entrar no banheiro do avião e desmaiar trancado pelo resto do vôo. "

Depp agora afirma que Heard estava assediando-o verbalmente durante a luta e, na tentativa de acalmá-la, "esticou a perna para fora para tocar de brincadeira na parte inferior com o pé, mas não alcançá-la."

Ele afirma que Heard "ficou muito ofendida com esse ato inofensivo e continuou a repreendê-lo verbalmente". Depp diz que ele foi "para o banheiro do avião, trancou a porta e dormiu no chão com um travesseiro".


O Incidente do Detox de Medicamentos Para Dor

Imagem

Na mesma declaração, Heard alegou que Depp chutou e deu um tapa nela - e também chutou um buraco na porta - durante uma briga nas Bahamas em agosto de 2014. Ela também alegou que sua enfermeira e médico particular voaram durante a viagem para ajuda-lo a lidar com seus "episódios maníacos".

Depp alega que o verdadeiro objetivo da viagem era "curar sua dependência de analgésicos". Ele diz que Heard só estava lá porque ela insistiu em ir no lugar de seu assistente.

De acordo com Depp, ele "precisou de atendimento médico 24 horas e foi freqüentemente sedado por causa do processo fisicamente doloroso de abstinência". Ele afirma que Heard "interveio e reteve os medicamentos" dele, o que o levou a ter "espasmos e retiradas".

Ele alega que o médico voou por causa disso e eles voltaram para Los Angeles antes do planejado.

Depp acrescenta que ele não assaltou Heard ou chutou um buraco em uma porta.

Advogado do Depp se Dirige a Proprietários de Jornais

Imagem

Advogado de Depp, Adam Waldman, diz ao The Blast, "A quantidade avassaladora de provas que já acumulamos inequivocamente estabelece Amber Heard como uma violadora em série violenta de homens e mulheres, e oblitera seus absurdos boatos de abuso contra Johnny Depp. Mas a Sra. Heard permanece apoiada por facilitadores, incluindo o tabloide de Rupert Murdoch, Sun e seus parceiros corporativos e "filantrópicos". Tendo já desmantelado os três mais notórios boatos de abuso de Heard, hoje respondemos no tribunal do Reino Unido a suas novas fraudes, que a Sun imprudentemente escolheu cortar e colar como sua 'defesa' contra o processo de difamação do Sr. Depp. ”

The Blast entrou em contato com um representante da Amber Heard, mas eles ainda não responderam.

Fonte: https://theblast.com/c/johnny-depp-ambe ... NEJUHffhGs

Tradução: TeamDL Kirlyam

LiamK
Mensagens: 32
Registrado em: Qua Jan 23, 2019 4:46 pm

Re: Johnny Depp registra processo de difamação de US$ 50 M contra Amber Heard

Mensagem por LiamK » Ter Jul 30, 2019 3:33 pm

Johnny Depp foi atingido no rosto com uma lata de tinta lançada por Amber Heard, afirma nova testemunha

Johnny Depp e Amber Heard fizeram inúmeras alegações de abuso entre si, mas um funcionário da casa da ilha de Depp nas Bahamas deu um depoimento sobre um incidente sobre o qual não falaram antes, alegando que Depp disse a ela que Heard o atingiu com uma lata de tinta e disse que ele é "arruinado", "gordo" e "vai morrer um homem solitário".

De acordo com documentos judiciais obtidos pelo The Blast, Tara Roberts, que trabalha para Depp como sua gerente de propriedade em sua ilha nas Bahamas desde 2008, entrou com um depoimento em nome de Depp em seu processo de difamação de US $ 50 milhões contra Heard.

Roberts afirma em 29 de dezembro de 2015, ela testemunhou uma discussão entre Depp e Heard.

"Enquanto eu não podia ouvir o que causou a briga", diz Roberts, "Amber repetidamente o repreendeu com ferocidade crescente. Ela estava insultando ele, chamando-o de nomes, e no meio desse ataque eu ouvi dizer especificamente "sua carreira acabou" "ninguém vai te contratar", "você está arruinado", "gordo", "você vai morrer como um homem solitário", e também gritando coisas que eram incompreensíveis.

Durante o suposto ataque de Heard, Roberts afirma que Depp respondeu apenas dizendo "vá embora" e "apenas me deixe em paz". Ela afirma: "Os berros e as repreenções de Amber aumentaram até um nível alto, e Johnny continuou gritando 'vá embora' e 'me deixe em paz'. Eu vi Amber atacar Johnny, arranhando, puxando e agressivamente puxando ele. Ele continuou ali, gritando para ela parar e deixá-lo sozinho."

Roberts afirma que, durante o incidente, ela "nunca viu Johnny bater em Amber ou empurrá-la para trás, nem reagiu fisicamente aos ataques".

Em algum momento, Roberts afirma que ela entrou fisicamente entre os dois e foi quando ela "viu que ele agora tinha um corte vermelho na ponte do nariz".

Roberts explica: " Johnny então me contou, que ela, Amber, jogou uma lata de Thinner no rosto de Johnny, causando o corte. Na manhã seguinte, os arbustos ao redor de sua casa estavam cheios de materiais de arte que tinham sido jogados, incluindo pincéis, tubos de tinta, e o convés estava manchado com o diluente ... Amber também havia retirado a aliança de casamento, jogado e pedido ajuda para encontrá-la quando estavam saindo naquela tarde. Foi encontrada e devolvida a ela."

Em sua declaração, Roberts afirma que Heard estava "livre de maquiagem durante toda a visita de Natal à ilha, já que ela geralmente não usava maquiagem quando estava na ilha. Eu nunca a vi com nenhum sinal de lesão em seu rosto ou corpo."

Roberts também descreveu as mudanças que ela diz ter notado em Depp após seu casamento com Heard. Ela afirma que antes que Heard entrasse em cena, Depp era "extrovertido, amigável e social; era um ambiente familiar quando ele visitava a ilha. Ao longo de seu relacionamento e casamento, houve uma mudança nítida em Johnny, e aquela pessoa social e animada passava a maior parte do tempo dormindo, tornou-se retraída e nossas refeições juntas diminuíram para inexistentes ".

"Estou ciente de que Amber alegou em documentos judiciais que Johnny violentamente a atacou na ilha em 17 de agosto de 2014, e que Johnny chutou e quebrou uma porta. Primeiro, não havia porta quebrada ou danificada durante essa visita ou qualquer outra. Não houve nada quebrado. Se houvesse, eu saberia como é meu trabalho, em uma ilha em que eu moro em tempo integral ".

Ela acrescentou: "Não havia nada fora do comum que aconteceu durante esta visita."

Como The Blast relatou pela primeira vez, Depp recentemente apresentou a alegação de que Heard "colocou um cigarro" em sua bochecha durante sua infame luta em 2016, que o deixou com um dedo decepado.


Fonte: https://www.yahoo.com/entertainment/joh ... soc_trk=tw

Tradução: Kirlyam TeamDL

Avatar do usuário
salete
Admin
Admin
Mensagens: 11870
Registrado em: Sex Set 12, 2008 6:53 pm
Localização: Florianópolis SC

Re: Johnny Depp registra processo de difamação de US$ 50 M contra Amber Heard

Mensagem por salete » Ter Jul 30, 2019 9:07 pm

Imagem Imagem Imagem Imagem
Imagem

Avatar do usuário
salete
Admin
Admin
Mensagens: 11870
Registrado em: Sex Set 12, 2008 6:53 pm
Localização: Florianópolis SC

Re: Johnny Depp registra processo de difamação de US$ 50 M contra Amber Heard

Mensagem por salete » Qui Ago 15, 2019 11:03 am

Depois de falhar ao tentar mover e derrubar o processo o que Johnny move contra ela, agora Amber Heard registra uma moção de restrição, TENTANDO impedir que qualquer testemunho ou evidência contra ela venha a público. Mas ela não pensou nisso quando expôs JD na midia.
Ela está assustada com o que Adam Waldman possa liberar para a mídia
Vale lembrar que o artigo que ela escreveu difamando-o foi ao público. Isso tornou a difamação pública, portanto, o processo deve ser público. Então acreditamos que o juiz não vai aceitar essa restrição.

--
via twitter
ᴺᴼᴼᴰᴸᴱ
@HerWarhammer
·
Hey guys, there's something new posted on the court site... Amber filed a protective order, so I'm assuming she doesn't want any evidence / further info coming out to the media

Imagem Imagem
...
Via JDZone:

Order for hearing

https://www.fairfaxcounty.gov/circuit/s ... 080819.pdf

Interesting to see Mr Chew at work, doing a good job imo
Transcript of hearing

https://www.fairfaxcounty.gov/circuit/s ... -order.pdf

Now she wants this :-)
Motion for entry of protective order

https://www.fairfaxcounty.gov/circuit/s ... -order.pdf
Imagem

Avatar do usuário
bruniisf
Mensagens: 17
Registrado em: Qui Dez 21, 2017 2:02 am
Localização: Uberaba - MG

Re: ACLU tenta entrar na Guerra Jurídica entre Johnny Depp e Amber Heard

Mensagem por bruniisf » Seg Set 16, 2019 2:11 pm

(Favor dar creditos ao DeppLovers ao repostar a tradução)

ACLU tenta entrar na Guerra Jurídica entre Johnny Depp e Amber Heard


O processo de Johnny Depp e Amber Heard despertou o interesse da American Civil Liberties Union (ACLU), e a organização pediu para registrar um documento de amicus no processo para ser um consultor no caso. Mas a equipe de Depp não está conseguindo.

De acordo com documentos obtidos pelo The Blast, a ACLU enviou uma solicitação na sexta-feira passada para entrar no caso amici curiae.

Um amicus curiae é alguém ou uma organização que não faz parte de um caso e podendo ou não ter sido solicitado por uma parte. O envolvimento deles seria ajudar o tribunal, oferecendo informações, conhecimentos ou insights relevantes para os problemas do caso.

O termo significa "amigo do tribunal".

Vera Eidelman, advogada da ACLU enviou uma carta aos advogados do caso.
"A ACLU, ACLU da Virgínia e a Clínica de Primeira Emenda da Universidade da Virgínia pretendem registrar um boletim de amicus no Depp v. Heard em apoio à Moção do Réu por Licença para Arquivar Argumentação e Demutibilidade Responsável Alterada. Você poderia me informar se concorda com o registro? "

O advogado de Depp respondeu que não estavam confortáveis com a conexão entre Amber Heard e a organização.

Amber doou metade de seu acordo de divórcio de US $7 milhões com Johnny Depp à ACLU. Na época, o diretor-executivo disse em comunicado: "Estamos incrivelmente agradecidos pela Srta. Heard ter demonstrado tão generosamente seu apoio à advocacia importante e necessária para as vítimas de violência doméstica".

Além disso, o cerne deste caso gira em torno do artigo de Amber no Washington Post, onde ela aparentemente chama Depp de espancador de mulheres. A ACLU postou o artigo em seu site e trabalhou, de alguma forma, com Amber na declaração pública.

Nossas fontes disseram que a equipe de Depp está realmente pensando em adicionar a ACLU como réu no caso de sua conexão com a publicação. A organização e qualquer pessoa com conhecimento também pode ser chamada como testemunha.

A equipe jurídica de Johnny Depp chegou a chamá-los de "co-conspiradores".

O advogado de Depp, Adam Waldman, disse ao The Blast: "A ACLU, co-conspiradora com a sra. Heard em sua difamação contra Depp, também hoje pediu permissão para registrar uma petição de "amigos da corte". Como a ACLU será uma testemunha de fato e, possivelmente, uma ré em seu papel real de "amigos da farsa", negamos o pedido. A sra. Heard pode ter falhado mais uma vez no tribunal, mas está conseguindo sugar vários movimentos sociais que atingiram o fundo do poço, mas estão determinados a continuar explorando seu golpe ".

Não está claro se a ACLU continuará sendo ouvida no caso.

Como informamos pela primeira vez, Amber Heard compareceu ao tribunal na semana passada, para combater a privacidade de informações e documentos no processo. O juíz ordenou o fechamento de registros médicos, informações bancárias e o diário pessoal de Heard. Mas, deixou o resto público.

O caso será julgado em alguns meses.

Tradução DeppLovers

Fonte: https://theblast.com/c/johnny-depp-ambe ... tion-trial

Avatar do usuário
salete
Admin
Admin
Mensagens: 11870
Registrado em: Sex Set 12, 2008 6:53 pm
Localização: Florianópolis SC

Re: Johnny Depp registra processo de difamação de US$ 50 M contra Amber Heard

Mensagem por salete » Seg Out 28, 2019 4:19 pm

A associação de Imprensa da Virginia acaba de entrar no
caso de difamação que Johnny abriu contra AH. Meu Deus, esse caso está se tornando gigante.
E isto é muito ruim, pois eles vão defender os direitos da imprensa livre ja que o processo envolve um jornal. Mas na verdade estão errados, porque JD processou a Amber por ter escrito a materia e não o jornal. E ela não é jornalista..

O caso JD e AH acaba de adicionar outra organização que acredita que as implicações do resultado desse caso podem ser generalizadas, a Virginia Press Association.
De acordo com os documentos legais, obtidos pela The Blast, a VPA apresentou um pedido para ser ouvida no caso via amici curiae

No documento, a VPA diz que é "composta por 225 membros, incluindo jornais diários e semanais em toda a Virgínia. Esses membros relatam assuntos de interesse público diariamente, incluindo assuntos que envolvem figuras públicas como Depp e Heard. . "

VPA ressalta que "tem um forte interesse no resultado deste caso, que envolve uma alegação de difamação por implicação decorrente de um artigo publicado pelo The Washington Post, um membro da VPA".

"Embora Johnny e Amber não tenham" vínculos significativos com a Comunidade da Virgínia. A VPA e seus membros da mídia, por outro lado, residem e trabalham na Commonwealth, e o resultado dessa difamação por implicação pode ter um efeito significativo sobre esses jornalistas e seu trabalho na Commonwealth ".

A VPA está pedindo ao tribunal que permita que advogados da organização sejam ouvidos antes de uma audiência em 8 de novembro de 2019.

Em uma declaração, o advogado de Johnny Depp, Adam Waldman
chama o número crescente de participantes neste caso de "co-conspiradores poderosos".

“Depois de confessar sob juramento e ser presa e encarcerada por ataques domésticos violentos , Amber Heard é uma porta-voz estranha contra abusos domésticos. E Heard também estranhamente tem uma lista crescente de poderosos conspiradores - The ACLU, The Sun, de Rupert Murdoch, Elon Musk, James Franco e outros assistentes de mentiras que continuam fugindo de seus depoimentos ", diz Waldman.

Ele continuou: "Hoje, a Srta. Heard adicionou a Virginia Press Association, lutando para se opor ao caso de difamação de Depp, apesar da admissão por escrito de que eles não fizeram nenhuma diligência no caso. Vamos chegar ao fundo de cada uma dessas motivações dos conspiradores e como os advogados do #TimesUp de Harvey Weinstein interagem com cada um deles. "

___________________________

https://theblast.com/c/johnny-depp-ambe ... ngton-post
Imagem

Avatar do usuário
salete
Admin
Admin
Mensagens: 11870
Registrado em: Sex Set 12, 2008 6:53 pm
Localização: Florianópolis SC

Re: Johnny Depp registra processo de difamação de US$ 50 M contra Amber Heard

Mensagem por salete » Qui Nov 14, 2019 9:22 pm

📌O juiz Bruce White, impediu a associação de imprensa VPA, de apresentar quaisquer resumos descrevendo sua posição. Ele disse que seu trabalho foi aplicar a lei como ela existe sem considerar preocupações políticas da associação.📌
O julgamento será em fevereiro.
-----
A Virginia Press Association pediu sexta-feira para intervir em uma ação judicial de US $ 50 milhões que Depp apresentou contra Heard, sua ex-esposa. Depp diz que foi difamado por um artigo publicado por Heard no The Washington Post em dezembro de 2018, no qual ela se referiu a si mesma como uma "figura pública que representa abuso doméstico".
Depp negou ter abusado da Heard e disse que o artigo se refere claramente a alegações anteriores de abuso feitas pela Heard contra ele.
A associação de imprensa argumentou sexta-feira no Tribunal do Condado de Fairfax que o caso poderia constituir um mau precedente para casos que envolvam "difamação por implicação", uma categoria de reivindicações que inclui o processo de Depp e que a associação de imprensa diz que deve ser aplicada apenas de maneira muito restrita. De fato, a associação de imprensa diz que alguns estados proibiram totalmente figuras públicas de fazer alegações de difamação por implicação.
https://www.nytimes.com/aponline/2019/1 ... wsuit.html
Imagem

Responder