julho 23, 2016

Dan Taylor
THE PRESS DEMOCRAT | 22 de julho de 2016, 22:07

Tradução e adaptação DeppLovers

Foi apropriado a banda celebridade The Hollywood Vampires abrir seu show na sexta à noite no Green Music Center de Rohnert Park com “Raise the Dead”, porque sua música era alta o suficiente para fazer exatamente isso.

Alimentada pela estrela global de filmes Johnny Depp, o clássico roqueiro Alice Cooper e alta potência do guitarrista do Aerosmith, Joe Perry, a banda de sete integrantes tinha uma multidão de cerca de 3.500 membros da assistência à seus pés, aplaudindo e dançando, por 90 minutos no centro do gramado de Weill Hall .
Os fãs ainda perdoaram a banda por iniciar a apresentação com meia hora de atraso, e vários entre a multidão culpavam Depp. “Sempre culpam a estrela de cinema”, disse alguém.
Perguntada sobre qual dos grandes nomes da banda veio ver, Stephanie Greene, 30 anos, de Rio Nido, disse enfaticamente: “Johnny Depp! Vamos! Essa é a minha geração.”

No final do show, os vampiros tocaram “My Generation” do The Who. Enquanto pode ser chamado de um supergrupo, a combinação eclética também é principalmente de uma banda cover, tocando principalmente os hits de estrelas do rock falecidos, incluindo David Bowie “Rebel Rebel” e “Suffragette City”, Jim Morrison e The Doors “Five to One / Break on Through (to the Other Side)”e John Lennon e dos Beatles” Come Together “.

Em mídias sociais, tem havido alguma especulação sobre o papel de Depp com os vampiros como uma estrela de rock. É o ator realmente um músico? Bem, ele agiu como um, tocando e fazendo backing vocal e produzindo alguns breves floreios de guitarra , enquanto Perry liderou na guitarra.

Mesmo ha uma canção Depp que escreveu para o grupo,“As Bad as I Am,” caracterizando Cooper nos vocais, empinado em sua composição icônica e do traje macabro , e Perry na guitarra. Mas Depp foi a estrela, inclinando-se no palco para agarrar as mãos dos fãs.

Show de sexta à noite foi a primeira aparição de Perry com a banda desde 10 de julho, quando ele ficou doente em um desempenho de Hollywood Vampires na Ford Amphitheater em Coney Island, em Nova York.

Dana Porteous, 63, de Petaluma, veio ver Perry, cuja carreira ele tem seguido desde que os dois cresceram em Boston. “Lembrei-me de vê-lo em pequenas casas noturnas”, disse Porteous. “Minha esposa está aqui pelo Johnny Depp.”
A banda tem tido mudança na formação, durante a turnê. Quando o baixista Duff McKagan teve que sair por causa de compromissos com o Guns N ‘Roses, o baixista Robert DeLeo do Stone Temple Pilots entrou. A lista da turnê também inclui o baterista Matt Sorum, o guitarrista Tommy Henriksen e Bruce Witkin na guitarra e teclados.
De muitas maneiras, o concerto de sexta-feira foi o show de Cooper, com ele à frente da banda, incluindo seus próprios hits ” “I’m Eighteen” and “School’s Out” na playlist.



Comment Form