maio 13, 2016

De acordo com Variety, após a decepção de não ter sido indicado ao Oscar pelo elogiado desempenho em Black Mass, Johnny tem uma chance de obter o reconhecimento e prêmios da TV por uma autobiografia completamente diferente.

johnny-depp-donald-trump-art-of-the-deal-funnyordie

Isso porque a Funny or Die, produtora de “Donald Trump’s The Art of the Deal : The Movie”, o filme protagonizado por Johnny, vai submeter o filme a premiação do Emmy, o Oscar da TV.

O filme de 50 minutos foi lançado em 10 de fevereiro, e retirado do ar duas semanas depois, entretanto, será relançado em breve. Johnny faz o candidato republicano, Jeremy Konner é o diretor, e Joe Randazzo escreveu o roteiro. As músicas originais e letras são de Kenny Loggins, e o filme contou com a equipe de maquiagem de Johnny, que também participou do roteiro e direção.
Alfred Molina, Patton Oswalt, Henry Winkler e ALF (o ícone alienígena dos anos 80) também estão no filme, mas seu ponto alto é Johnny como Trump!

A concorrência será grande, pois a categoria conta com pesos pesados, como Ian McKellen e Anthony Hopkins ( “The Dresser”), Bryan Cranston ( “All the Way”), Benedict Cumberbatch ( “Sherlock”), Idris Elba ( “Luther”), etc
O Editor chefe de Funny or Die, Owen Burke disse que a ideia com “The Art of the Deal” foi mover-se rapidamente com o projeto porque todos os envolvidos entendiam que Trump iria desaparecer da paisagem presidencial. Entretanto, três meses depois, aqui estamos …

Matéria original completa AQUI



Comment Form