NARCISA – OUR LADY OF ASHES – 2008
Home

O livro de Jonathan Shaw foi publicado em 2008 nos EUA. Em 2015, após ser revisado e ampliado por Jonathan, ele foi republicado pela editora Infinitum Nihil (do Johnny) em parceria com a HarperCollins, em março de 2015.

Prefácio de Johnny Depp

“Finalmente, depois de vinte anos de bajulação, adulação, debates, e básicas alfinetadas da minha parte, meu velho salafrário irmão, Jonathan Shaw pôs sua caneta no papel, arrastando e fatigando-se de virulentas e violentas alucinações de seu maldito cérebro.

Esperei muito por isso. Então, seja quem for você, acredite em mim. Se você não o conhecia antes, agora vai conhecer. Se você não queria conhecer, azar seu. Uma vez que ele entra na sua mente, ele fica. As palavras de Jonathan Shaw, o trabalho, a vida, as vidas, as mortes, os esbravejos, a raiva, a alegria fica entre os melhores da arte moderna.

Se Hubert Selby Jr., Charles Bukowski, Ernest Hemingway, Jack Kerouac, William Burroughs, Neil Cassady, Dr. Hunter S.Thompson, O Marquês de Sade, Antonio Carlos Jobim, João Gilberto, Edward Teach, Charley Parker, Iggy Pop, Louis-Ferdinand Celine, R. Crumb, Robert Williams, Joe Coleman, Dashiell Hammett, E.M. Cioran e todos os Três Patetas tivessem se envolvido em uma oleosa, vergonhosa, maldosa orgia de puteiro, Jonathan Shawn seria, certamente, sua diabólica, reprovada criação.”

Capas das edições de 2008 e 2015.